Estácio: Hospitalidade, Simplicidade e Resultado

Graduação

Laboratórios modernos e profissionais atuantes no mercado!

Cursos Livres

Os CURSOS LIVRES da Estácio são opções perfeitas que cabem no seu bolso e com certificação de uma Universidade.

Estácio 50 anos!

Posts Recentes

designer de orientação espacial

Designer de orientação espacial: Saiba o que esse profissional faz!

Você sabia que o espaço público nas cidades é estudado e trabalhado por profissionais que buscam torná-lo mais agradável, bem como organizar as informações existentes ali? Esse é justamente o papel do designer de orientação espacial.

Essa área está apresentando, nos últimos anos, um constante crescimento, de forma que chama a atenção daqueles que estão decidindo suas carreiras futuras. Porém, para entender exatamente como esse profissional atua, é necessário compreender, também, o que se entende por orientação espacial e quais as atividades que demanda.

designer de orientação espacial

ESTÁCIO: Conheça os cursos da Estácio e ganhe bolsa! Clique aqui e saiba mais: https://matriculas.estacio.br/cursos!

Confira abaixo esses detalhes, assim como algumas previsões salariais relativas a esse profissional de design dedicado aos espaços públicos.

Afinal, o que é Orientação Espacial?

Embora o ramo ainda seja pequeno, o termo é conhecido nos Estados Unidos desde a década de 1960, quando foi cunhada a expressão “Wayfinding”. Esta se refere aos elementos urbanísticos que compõem a cidade e que permitem que o cidadão possa se deslocar por ela.

Nesse caso, os nomes das ruas, números dos imóveis e monumentos são estudados de forma que permitam a correta localização pelo transeunte.

Como atua o Designer de Orientação Espacial?

Os designers dessa área atuam com base em 4 passos essenciais que os orientam dentro de seu trabalho. Através deles é possível identificar qual a melhor maneira de operar a orientação dentro de determinados espaços.

Isso é necessário principalmente diante do grande desenvolvimento dos centros urbanos, que crescem constantemente. Aliás, neles é possível encontrar cada vez um número maior de estabelecimentos diversos, turísticos ou não, assim como inúmeros meios de transporte público, bairros e ruas.

designer de orientação espacial

Diante de tudo isso, é preciso que a possibilidade de que o transeunte se informe e se oriente quanto ao local em que se encontra sejam levados em consideração. É isso, justamente, que faz um designer de orientação espacial.

Confira quais são as principais considerações que são realizadas pelo profissional a fim de facilitar a orientação das pessoas dentro dos ambientes urbanos.

1.  Orientação dos transeuntes em relação ao local

Primeiramente, cabe ao profissional da área reconhecer qual é o local estudado e para o qual serão tomadas medidas que promoverão a orientação dos transeuntes. Nesse caso, o designer analisa como o espaço pode ser dividido para otimizar informações e setores de identificação.

2.  Escolha da rota a ser sinalizada

O designer de orientação espacial sempre levará em consideração qual o local que se deseja acessar. Para isso, estudará rotas que conduzem ao caminho que deve ser tomado para que seja possível chegar ao destino de maneira correta.

Assim, ele determina o caminho que deve ser tomado com base em uma sinalização eficiente e indicação correta do trajeto.

3.  Observação com base na simplicidade

Nessa etapa cabe ao designer de orientação de espaço que pratica o wayfinding analisar com cuidado o caminho para se chegar a determinado ponto, assim como a capacidade dos indivíduos em identificar as sinalizações sobre esse trajeto.

Para tanto, há o uso da divisão de espaço em setores a serem sinalizados para permitir a orientação. Também, há o uso de sinalização com informações simples.

4.  Destino final alcançado com sucesso

A última fase concernente ao wayfinding é a comprovação do sucesso da sinalização para chegada no destino. Para tanto, devem-se identificar e seguir as orientações postadas pelo caminho e chegar ao caminho final.

Assim, o uso da orientação espacial nesse caso é baseado na possibilidade de qualquer sujeito identificar as sinalizações e interpretá-las de modo a alcançar um ponto específico no mapa.

Quanto ganha um Designer de orientação espacial e como é o mercado de trabalho?

Conforme brevemente citado anteriormente, o mercado de trabalho para esse tipo de profissional especializado ainda é pequeno.

Contudo, ele vem apresentando constante crescimento nos últimos anos, uma vez que a possibilidade de deslocamento seguro das pessoas é uma obrigação dos gestores das cidades, que devem sempre levar em consideração os elementos de informação e localização que são disponibilizados nas ruas e vias.

Londres, por exemplo, já possui um projeto de orientação espacial que está sendo colocado em prática. Assim, ao que tudo indica o futuro para o profissional da área é promissor, sendo tendência que outras grandes cidades ao redor do mundo sigam o exemplo inglês.

Quanto ao mercado de trabalho, confira quais os salários pagos, em média, aos profissionais, conforme uma pesquisa realizada pelo site Catho.

A remuneração média para o estagiário dessa área de designer é de R$ 967. O designer júnior, por sua vez, recebe em torno de R$ 2.719, enquanto ao pleno é indicada a remuneração de R$ 3.992.

Os maiores salários da área estão reservados ao designer de orientação espacial sênior, supervisor e gerente. Enquanto o primeiro recebe em média R$ 6.959, o segundo possui remuneração média de R$ 7.706 e o último de R$ 9.847.